segunda-feira, 12 de junho de 2017

Saiba como a população pode ajudar em uma ocorrência


Neste sábado passado, dia 10 de junho, houveram duas ocorrências envolvendo abelhas no município de Santana, área de atuação do 5º Grupamento, tais ocorrências não são tão comuns mas deve-se tomar um grande cuidado durante essa atuação.

Quando há presença de insetos em enxame, sejam eles cabas, maribondos ou abelhas, faz-se necessário que a população não tente realizar a contenção pois o risco de deixar esses insetos inquietos é grande. A presença de grandes ninhos ou colmeias em áreas urbanas pode ser oriunda da ação humana por estar adentrando em território que antes esses insetos interagiam sem a presença do homem, ou então devido algum desequilíbrio ecológico.


É importante ressaltar que qualquer animal possui seu instinto de defesa e diante de uma possível ameaça ele irá se defender, com as abelhas o comportamento não é diferente, elas atacam se entenderem que estão sob ameaça, e as consequências desses ataques são dores intensas pelas ferroadas, podendo evoluir para inchaços nos locais afetados e, nos casos de maior gravidade, convulsões, vômitos, diarreias, cólicas abdominais, edema de glote devido ao choque anafilático e consequentemente à morte. 

A gravidade do quadro dependerá muito da quantidade de ferroadas desferidas também, uma pessoa adulta pode aguentar muitas ferroadas, segundo o site AbcMed, cerca de mil, no entanto, quinhentas ferroadas podem matar uma criança e uma ferroada somente pode também levar à morte uma pessoa se ela for alérgica.

O que se recomenda  à população é que chame alguém especializado e capacitado para retirada desses insetos e manejo a um lugar onde possam viver sem causar transtornos às pessoas.

Os Bombeiros de Santana atuaram na retirada das abelhas e, em uma das ocorrências a dificuldade foi muito grande, pois o local onde se encontrara o enxame era numa área de ponte e muitas crianças estavam bem próximas, estavam lá movidas pela curiosidade e pelo espírito de aventura, no entanto, dificultaram a ação.

Diante disso, o que o Corpo de Bombeiros alerta a população é para não se aproximarem dos locais onde os bombeiros estejam atuando, o risco é grande, para evitar que haja mais vítimas nas ocorrências, é importante que fiquem pelo menos a uma distância segura, bem longe do local onde esteja acontecendo a situação caótica.

Essa é uma atitude que serve para qualquer tipo de ocorrência: só se aproxime do local do sinistro se solicitada sua presença pelo Corpo de Bombeiros para ajudar e mesmo assim, você poderá fazê-lo sob a orientação de um bombeiro.

Bombeiros de Santana, guardiões da vida, do patrimônio e do meio ambiente.

SECOMS 5º GBM.


Nenhum comentário: